RENDA EXTRA! Saiba como trabalhar no Mercado Livre para aumentar sua renda!

- Publicidade -

O Brasil é um país incrível com diversas vantagens que podemos citar tranquilamente. Contudo, sabemos que nem sempre existem oportunidades de emprego que sejam capazes de satisfazer a todos. Dessa forma, é interessante que os brasileiros procurem outras formas de conquistar uma renda extra, como por exemplo, você pode trabalhar no Mercado Livre para conquistar essa renda extra.

O Governo Federal desenvolve, constantemente, programas sociais que se dedicam em ajudar os brasileiros a se desenvolverem, como o Auxílio Cesta Básica e a iniciativa Brasil Sorridente. Além disso, também existem iniciativas profissionais, como o Jovem Aprendiz. Contudo, sabemos que essas alternativas não conseguem ajudar a todos.

- Publicidade -
trabalhar no mercado livre
(Reprodução: Freepik)

Além disso, sabemos que trabalhar no Mercado Livre pode ser uma forma de você conquistar diversos sonhos através da renda extra realizada. Se você trabalhar no Mercado Livre, você conseguirá transformar seus pertences em investimentos que irão te trazer retorno financeiro.

Você conhece o Mercado Livre?

Se você quer trabalhar no Mercado Livre, é importante que, ao menos, entenda o que é a empresa e sobre quais são os mercados em que a empresa trabalha. Dessa forma, vamos trazer todas as informações necessárias neste parágrafo para que você consiga estar completamente atualizado.

O Mercado Livre é uma empresa de tecnologia que oferece soluções para o comércio eletrônico na América Latina. Ele permite que pessoas e empresas possam comprar, vender, anunciar, enviar e pagar bens e serviços pela internet, através de sua plataforma online.

LEIA TAMBÉM: Apps para assistir UFC ao vivo!

A história do Mercado Livre começa em 1999, quando foi fundada por Marcos Galperin, Stelleo Tolda e outros sócios na Argentina. Eles se inspiraram no modelo de negócios do eBay, um site americano de leilões online. O objetivo era criar um mercado virtual que conectasse compradores e vendedores de toda a região.

O Mercado Livre começou a operar no Brasil em 1999, sendo o primeiro país fora da Argentina a receber o site. Desde então, expandiu sua presença para outros 16 países da América Latina: México, Chile, Colômbia, Venezuela, Peru, Uruguai, Equador, Bolívia, Paraguai, Costa Rica, República Dominicana, Panamá, Honduras, Guatemala, El Salvador e Nicarágua.

medium shot smiley women with devices
(Reprodução: Freepik)

O portal Mercado Livre se tornou a maior plataforma de consumo da América Latina, com mais de 300 milhões de usuários registrados e mais de 12 milhões de vendedores ativos. Em 2020, o site registrou um volume bruto de mercadorias (GMV) de US$ 20,9 bilhões e uma receita líquida de US$ 3,6 bilhões.

LEIA AQUI: Quer ser mais saudável? Então conheça apps para treinar em casa!

Além do site de comércio eletrônico, o Mercado Livre também oferece outros serviços relacionados ao seu ecossistema digital. Entre eles estão:

Mercado Pago: é a fintech do Mercado Livre, que oferece soluções de pagamento online e offline para compradores e vendedores. Entre seus produtos estão: carteira digital, cartão pré-pago, maquininha de cartão, crédito pessoal e empresarial, investimentos e Pix.

Mercado Envios: é a unidade de logística do Mercado Livre, que oferece soluções de envio e entrega para os produtos vendidos na plataforma. Entre seus serviços estão: coleta, armazenamento, embalagem, etiquetagem, rastreamento e distribuição dos pacotes.

Mercado Livre Publicidade: é a unidade de publicidade do Mercado Livre, que oferece soluções de marketing digital para os anunciantes que querem alcançar os consumidores da plataforma. Entre seus formatos estão: banners, vídeos, anúncios nativos, patrocínios e lojas oficiais.

Mercado Shops: é a unidade de e-commerce do Mercado Livre, que oferece soluções de criação e gestão de lojas virtuais para os vendedores que querem ter seu próprio site. Entre seus recursos estão: domínio próprio, design personalizado, integração com o Mercado Pago e o Mercado Envios, ferramentas de SEO e analytics.

business shopping online concept
(Reprodução: Freepik)

Mercado Pontos: é o programa de fidelidade do Mercado

Livre, que oferece benefícios para os compradores que usam a plataforma. Entre eles estão: frete grátis ou com desconto em produtos selecionados, acesso antecipado a ofertas exclusivas, devolução grátis em até 30 dias e assinatura grátis ou com desconto em serviços parceiros como Disney+, Star+ e Spotify.

O Mercado Livre é uma empresa que se destaca pela sua inovação e liderança no mercado latino-americano. Ele busca oferecer uma experiência completa e satisfatória para seus usuários, conectando-os com as melhores oportunidades de compra e venda na internet.

Vale a pena trabalhar no Mercado Livre?

Já falamos sobre diversos temas na nossa plataforma, inclusive, sobre formas de assistir séries e filmes de graça. Além disso, também já abordamos como você pode acompanhar eventos esportivos através do seu aparelho celular. Contudo, sabemos que os meios de entretenimento não podem consumir nossas vidas. Dessa forma, precisamos pensar em formas de conquistar dinheiro.

tags shopping trolley near coins
(Reprodução: Freepik)

Existem diversos trabalhos que tratam seus funcionários como itens substituíveis. Dessa forma, conseguir construir uma renda extra ao trabalhar no Mercado Livre pode ser uma ótima opção para que você consiga acumular uma quantia financeira para realizar seus sonhos, seja viajar ou proporcionar determinada situação para sua família. Portanto, sim, realmente vale a pena trabalhar no Mercado Livre.

Como trabalhar no Mercado Livre?

A vaga que estamos falando para trabalhar no Mercado Livre é justamente para se tornar entregador da empresa. Dessa forma, você pode conquistar uma renda extra ao ir deixar as encomendas nas residências dos compradores da empresa digital. Contudo, já adiantamos que para trabalhar no Mercado Livre é preciso cumprir algumas regras que iremos citar abaixo.

VEJA TAMBÉM: A CNH Digital já está disponível!

Inicialmente, o entregador precisa ter, no mínimo, 18 anos de idade. Além disso, o entregador precisa possuir seu próprio veículo para realizar as entregas das encomendas. É necessário que os documentos referentes ao veículo estejam em dias, assim como a CNH do indivíduo (seja digital ou física). Por fim, para trabalhar no Mercado Livre é necessário ter uma conta na plataforma Mercado Livre e baixar o app Mercado Livre Entregas.

Como se cadastrar 

Obviamente, para trabalhar no Mercado Livre, é necessário se cadastrar na plataforma como entregador. Dessa forma, você entrará na plataforma oficial do Mercado Livre e vai procurar pela opção de programa de entregas. Em seguida, você vai clicar na opção relacionada ao cadastro de entregadores.

box market electronic ordering shop basket
(Reprodução: Freepik)

Já avisamos que é comum que plataformas como o Mercado Livre solicitem que os documentos dos candidatos sejam apresentados, principalmente os documentos relacionados ao veículo usado para realizar as entregas dos seus clientes. Todavia, é um procedimento normal.

VEJA AGORA: Emita já seu RG Digital!

Após realizar seu cadastro, você vai poder trabalhar no Mercado Livre através do app Mercado Livre Entregas. As informações sobre as suas encomendas vão estar disponíveis neste aplicativo, incluindo roteirização, rastreamento do produto e ainda a atualização referente ao status de entrega.

Gostou das informações?

Essa matéria foi construída para te informar como trabalhar no Mercado Livre. Caso tenha gostado, aproveite para ler nossos outros conteúdos, como apps para assistir aos jogos do Flamengo. Além disso, você pode descobrir como negociar suas dívidas através de um evento destinado a este público. Por fim, agradeço sua leitura e espero que nosso material tenha te ajudado a conquistar novas metas.